SJ News - шаблон joomla Авто

Entretenimento

Ratos existem em toda parte.

Visitas indesejadas, se reproduzem rapidamente, destroem tudo e transmitem doenças graves, como leptospirose e peste.

Corruptos também são tidos como ratos e podem, como esses roedores, contaminar muita gente e destruir instituições e até um país, matando inocentes.

Vejamos os ratos.

Ratos buscam sempre alimentos e abrigo para se reproduzirem, invadindo lugares onde vivemos, trabalhamos, estudamos, tratamos nossas doenças, além de habitarem esgotos e lixeiras, principalmente quando não cuidamos do lixo. Buscam dividir conosco ou até mesmo tomar nosso espaço. Enchentes, que muitas vezes poderiam ser evitadas se cuidássemos melhor do meio ambiente, espalham vírus e bactérias encontrados nas fezes e urina dos ratos, podendo gerar graves surtos de doenças.

A fantasia também aborda esse tema desde muito tempo.

A lenda do flautista, registrada pelos irmãos Grimm, conta que, “[...] em 1284, um homem misterioso apareceu em Hamelin, apresentando-se como caçador de ratos, prometendo livrar a cidade infestada, cobrando uma certa quantia de dinheiro [...] tocando sua flauta e caminhando em direção ao rio, foi seguido por todos os ratos da cidade [...] o flautista foi nadar, imediatamente seguido pelos roedores “enfeitiçados”, que acabaram morrendo afogados. [...]. Os cidadãos se recusaram a lhe pagar, e ele foi embora zangado, voltando tempos depois [...]. Tocando sua flauta pelas ruas, dessa vez foi seguido por um grande número de crianças, incluindo a filha do prefeito, na cidade livre dos ratos, e desaparecendo com elas numa caverna  [...]. Os pais, ansiosos, correram em massa para os portões da cidade, à procura de seus filhos. [...] No total, foram perdidas 130 crianças da cidade, tendo apenas três escapado da tragédia, por não terem seguido o vingativo flautista [...] uma cega, outra muda e um menino que se atrasou, buscando sua jaqueta [...].”

Como então combater esses roedores milenares?

Ratoeiras pegam apenas um rato por vez. Identificar o local de onde vêm, manter os ralos tampados e ter cuidado com o lixo são ações simples e as mais eficazes. Iscas venenosas podem gerar acidentes se consumidas por gatos e cães. A opção de ter em casa predadores supereficientes, como cobras ou aves de rapina, é inviável em centros urbanos.

E os corruptos?

O cuidado com o lixo moral é a principal medida, porém cães e águias devem ser utilizados sem cerimônia, pois somente “cobras criadas” conseguem enfrentar essas ratazanas. “Gatos” não combatem corruptos.

Gravadores, como ratoeiras, não são garantia para pegar matilhas de corruptos.

Ao tentar combater corruptos com um flautista de ocasião, contrariamente à lenda, todos pagaremos a conta, mas, como nela, nossas crianças continuarão sem futuro.

Escrito por: Alfredo GuarischiAlfredo Guarischi, médico, cirurgião geral e oncológico, especialista em Fator Humano, Organizador do SAFETYMED e do GERHUS O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

 

 

Um total de 7.629 eleitores acreanos teve o título de eleitor cancelado pela Justiça Eleitoral na última sexta-feira, 19. Os cancelamentos ocorreram em razão do não comparecimento desses eleitores aos cartórios para justificarem a ausência nas três últimas eleições.

 

O cidadão que deseja saber qual a sua situação perante a Justiça Eleitoral pode acessar o site do Tribunal Regional Eleitoral do Acre (TRE-AC), no seguinte link: http://www.tre-ac.jus.br/eleitor/titulo-e-local-de-votacao.

 

Quem teve o título cancelado poderá sofrer algumas consequências, como ser impedido de obter passaporte ou carteira de identidade, receber salários de função ou emprego público e obter certos tipos de empréstimos.

 

A irregularidade também pode gerar dificuldades para investidura e nomeação em concurso público, renovação de matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo e obtenção de certidão de quitação eleitoral ou qualquer documento perante repartições diplomáticas a que estiver subordinado.

 

Para regularizar a situação, o eleitor deve procurar o cartório eleitoral - aberto de segunda a sexta-feira, das 8h às 17 horas - portando documento oficial com foto, CPF e comprovante de endereço.

O aplicativo do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) está disponível a partir de hoje (17) para download. Para garantir a segurança na utilização da ferramenta, o app deve ser baixado direto da loja de aplicativos do seu celular – Google Play e App Store – e o usuário deve confirmar se o nome do desenvolvedor é o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

 

Disponibilizado pela primeira vez no ano passado, desta vez o aplicativo terá uma seção de notícias e acesso liberado ao público geral, permitindo que pais, professores e jornalistas acompanhem as áreas que não exigem login do participante. Outra novidade é a liberação dos espelhos de redação no app.

O aplicativo disponibiliza informações tanto antes do exame, com dados da situação da inscrição, cronograma, locais de provas e o Cartão de Confirmação, quanto após o exame, com o gabarito, o resultado individual e o espelho da redação.

A função Alerta permite ao usuário selecionar informações sobre as quais deseja ser notificado quando ocorrerem atualizações no cronograma. Também é possível fazer um checklist das ações concluídas durante as etapas do exame, facilitando o acompanhamento de pendências. No Mural de Avisos, o participante pode acessar comunicados oficiais do Inep. A seção Perguntas Frequentes ajuda a esclarecer dúvidas.

Após a instalação do app no celular ou tablet, o participante deve inserir o CPF e a senha cadastrada no Sistema de Inscrição do Enem. O aplicativo é gratuito e está disponível para os sistemas Android e IOS.

Inscrições

Até as 11h desta quarta-feira, 4,5 milhões de candidatos se inscreveram no Enem. As inscrições podem ser feitas até o dia 19, pelo site do exame. As provas serão aplicadas em dois domingos consecutivos, nos dias 5 e 12 de novembro. Para concluir a inscrição, o candidato deve pagar a taxa de R$ 82. O prazo para pagamento vai até o dia 24 deste mês.

Pelas regras do edital, estão isentos da taxa os estudantes de escolas públicas que concluirão o ensino médio este ano, os participantes de baixa renda que integram o Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) e os que se enquadram na Lei 12.799/2013 que, entre outros critérios, isenta de pagamento aqueles com renda igual ou inferior a um salário mínimo e meio, ou seja, R$ 1.405,50.

O resultado das provas poderá ser usado em processos seletivos para vagas no ensino público superior, pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), para bolsas de estudo em instituições privadas, pelo Programa Universidade para Todos (ProUni), e para obter financiamento pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Em caso de problema na hora da inscrição, os candidatos podem ligar para o Inep pelo telefone 0800 616161. O atendimento é das 8h às 20h, no horário de Brasília.

 

Usuários reclamam que o aplicativo de mensagensWhatsAppesteve fora do ar novamente nesta quarta-feira (17) em alguns locais do Brasil. No Twitter, o assunto ‘O WhatsApp’ é um dos assuntos mais comentados do dia, com diversos internautas reclamando de instabilidades no aplicativo.

Os usuários não conseguiam se conectar à rede, seja via pacote de dados ou por uma conexão Wi-Fi. Assim, era impossível o envio ou recebimento de qualquer mensagem. Há duas semanas, o aplicativo ficou fora do ardurante horas no país.

o whatsapp para de funcionar e a primeira coisa que eu faço é entrar no twitter pra ver se caiu o de todo mundo

O agente penitenciário Josimar dos Santos Ferreira, de 43 anos, foi preso em flagrante na manhã desta sexta-feira, 12, ao tentar entregar celulares a presos na penitenciária Evaristo de Moraes, em Sena Madureira.

O agente já vinha sendo investigado por envolvimento com facções criminosas, informou a assessoria do Instituto de Administração Penitenciária. O flagrante foi feito pelos próprios colegas e com ele foram encontrados dois celulares e um carregador que teria sido arremessado por outra pessoa do lado de fora do presídio.

Em depoimento na delegacia de polícia de Sena Madureira, o agente justificou o delito alegando que estava sendo pressionado por membros de uma facção criminosa a entregar os celulares. Além de responder criminalmente, o agente também responderá a processos administrativos da instituição e deverá perder o cargo.

Página da Nativus no Facebook

Who's Online

Temos 66 visitantes e Nenhum membro online

Template Settings

Color

For each color, the params below will be given default values
Blue Oranges Red

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Spotlight3

Background Color

Spotlight4

Background Color

Spotlight5

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction